O cenário é o seguinte: uma pessoa precisa comprar ovos. Por isso, vai a um supermercado ou feira e chegando lá se depara com vários produtos, e a mesma dúvida de sempre: qual o tipo de ovo escolher? Brancos ou vermelhos? Mas afinal, qual a real diferença entre eles? 

Você já conhece nossas lojas físicas? Clique aqui para saber mais. Nelas, você pode encontrar todos nossos produtos! 

A explicação, na verdade, é mais simples do que a maioria imagina. Acontece que a produção de ovos vermelhos é mais cara do que a de ovos brancos. Isso se dá devido ao fato de que a cor está diretamente relacionada a raça da galinha que o põe. As galinhas marrons, responsáveis pela coloração vermelha, são maiores do que as brancas e por isso necessitam de mais calorias diárias na alimentação.

Mas, isso afeta a qualidade nutritiva do ovo? Na verdade não. Nutricionalmente falando, os ovos brancos e vermelhos funcionam da mesma forma. Ambos são excelentes fontes de proteína e dos mais diversos minerais como fósforo, sódio, potássio, cálcio, entre outros. Já citamos todos os benefícios dos ovos por aqui, no nosso blog, se você é antenado em nossas notícias, com certeza está por dentro. Mas, caso tenha perdido, a gente refresca sua memória: é só clicar aqui

Então, existe alguma diferença concreta? Simples gosto e predileção. Há pessoas que preferem os ovos vermelhos e acreditam que o gosto seja melhor. Por outro lado, algumas pessoas não veem distinção. Alguns nutricionistas, por exemplo, comparam essa separação com diferentes cores de cabelo: no caso de uma pessoa morena e uma loira, ou seja, não influencia no conteúdo.

Para todos seus objetivos, há um produto Loyola que vai ser a solução. Para saber mais informações, você pode clicar aqui

Seja qual for sua escolha, a Loyola possui as duas versões para você. E sabe o melhor? Sem a menor necessidade de sair de casa: com o serviço de assinatura Loyola Fresh Eggs, nós levamos os produtos diretamente ao seu lar! Conheça mais em nossas redes sociais.